Planejamento de um sistema de monitoramento de plantações para aplicação na agricultura familiar

Fábio Von Zuben Moreira, Marcos Almeida do Amaral, Mariana Zuliani Theodoro de Lima

Resumo


As transformações advindas da indústria 4.0 também impactaram a agricultura, sendo designada como Agricultura 4.0, responsável por empregar tecnologias de monitoramento nas plantações. Entretanto, a agricultura familiar ainda não exibe aplicação das tecnologias existentes, dessa forma, o presente trabalho se propôs a estudar o campo da agricultura 4.0 no Brasil e a circunstância dos agricultores familiares, com propósito de desenvolver um dispositivo capaz de introduzir princípios da agricultura 4.0 em tais propriedades. O trabalho contemplou a elaboração de um levantamento literário, centrado em startups, indústria e agricultura, junto com um questionário direcionado a agricultores familiares, responsável por coletar 10 respostas e apontar o pequeno contato que os participantes têm com agricultura 4.0, e, por fim, o desenvolvimento de um protótipo, capaz de mensurar temperatura e umidade do ar e umidade do solo nas proximidades de um vegetal, o dispositivo ainda não foi submetido a testes de campo, mas demonstra-se promissor em seu desempenho em condições reais.

Palavras-chave


Agricultura 4.0; Agricultura familiar; Arduino

Referências


AGRICULTURA FAMILIAR: Organização da produção. Chapecó: FETRAF-Sul/Cut, 2007. (Terra Solidária: 4). 193 p.

ABREU, M. M. Inovações Tecnológicas na agricultura familiar sob a ótica dos agricultores familiares de Chapecó e região oeste de Santa Catarina. (região da AMOSC). 2010. Monografia (Pós-Graduação em Gestão Social de Políticas Públicas) – UNOCHAPECÓ, Chapecó, 2010.

ALVES, M. D. A. R; CONEJERO, M. A.; CÉSAR, A. D. S. Desafios e inovações em incubadoras de base tecnológica do agronegócio: um estudo de caso da Ineagro. RESEARCH, SOCIETY AND DEVELOPMENT, Vargem Grande Paulista, v. 5, n. 5, p. 1-21, mar. 2019. Disponível em: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v8i5.935. Acesso em: 27 fev. 2020.

BREITENBACH, R. Participação econômica das atividades de subsistência na agricultura familiar. Redes (St. Cruz Sul, Online), Santa Cruz do Sul, v. 23, n. 1, p. 53-68, jan. 2018. Disponível em: https://online.unisc.br/seer/index.php/redes/article/view/6780. Acesso em: 29 mar. 2020.

CASTILHO, L. B. F. D. Co-simulação de rede para internet das coisas. 2018. Dissertação (Mestrado em dupla diplomação em Sistemas de Informação) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Bragança, 2018.

CORREIA, P. M. A. R.; MENDES, I. O.; MARQUES, N. S. L. Gestão do conhecimento e da inovação. Determinantes da competitividade organizacional: um estudo de caso de uma empresa de consultoria tecnológica. Revista estudo & Debate, Lajeado, v. 25, n. 1, p. 192-215, 2018.

COUTINHO, E. Interações entre universidade, indústria e governo para inovação no Brasil, sob a ótica teórica da tríplice hélice. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Econômicas) – Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2018.

DA SILVA, L. X.; DE DIOS HERNÁNDEZ, D.; MADERA PACHECO, J. A. A geração de conhecimento e as inovações sócio-organizativas da agricultura familiar: o caso de Dom Feliciano, RS. Redes (St. Cruz Sul, Online), Santa Cruz do Sul, v. 25, n. 1, p. 164-188, jan. 2020. Disponível em: https://online.unisc.br/seer/index.php/redes/article/view/14100. Acesso em: 1 abr. 2020.

ETZKOWITZ, H.; ZHOU, C. Hélice Tríplice: inovação e empreendedorismo universidade-indústria-governo. Estudos avançados, São Paulo, v. 31, n. 90, p. 23-48, maio 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142017000200023&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 3 fev. 2019.

FARIA, S. S. Adoption of innovation by family farms: the case of grape cultivation in Goiás state. 2012. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2012.

FRANÇA, R. et al. Transformação digital na agricultura moderna: pilares e proposta de molde para o futuro da inovação agrícola. CONGRESSO INTERNACIONAL DE CONHECIMENTO E INOVAÇÃO (CIKI), 9., 2019, Florianópolis. Anais […]. Florianópolis, UFSC, v. 1, n. 1, nov. 2019. Disponível em: http://proceeding.ciki.ufsc.br/index.php/ciki/article/view/646. Acesso em: 28 feb. 2020.

GONÇALVES, C. F. B. et al. Um estudo sobre a influência da IoT no gronegócio. Gestão, Inovação e Empreendedorismo, Ribeirão Preto, v. 1, n. 1, p. 24-35, ago. 2018. Disponível em: http://ojs.faculdademetropolitana.edu.br/index.php/revista-gestao-inovacao/article/view/9. Acesso em: 18 out. 2019.

LEMOS, G. S. Ecossistema de startups agtech no Brasil: inovação, competitividade e upgrading no agronegócio. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Gestão de Agronegócios) - Universidade de Brasília, Planaltina-DF, 2017.

LIMA, J. G. D. et al. Startups no agronegócio brasileiro: uma revisão sobre as potencialidades do setor. Brazilian Journal of Production Engineering, Espírito Santo, v. 3, n. 1, p. 107-121, jun./2017. Disponível em: http://teste.periodicos.ufes.br/bjpe/article/view/v3n1_10. Acesso em: 6 fev. 2020.

LOPES, N. F. Desenvolvimento de sensores sem fio para o monitoramento do transporte de frutas e legumes. 2018.Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Controle e Automação) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2018.

LUCHETTI, A. Utilização de drones na agricultura: impactos no setor sucroalcooleiro. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharel em Ciências Aeronáuticas) – Universidade do Sul de Santa Catarina, Palhoça, 2019.

MACHADO, B. F. Sistema de monitoramento da qualidade do ar por meio de microssensores aplicado ao conceito de cidade inteligente. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica do Paraná, Londrina, 2017.

MACHADO, J. Agricultura de precisão em cultivo de morango. Revista GEAMA, Recife, v. 4, n. 1, p. 54-56, jan./mar. 2018.

MASSRUHÁ, S. M. F. S.; LEITE, M. A. Agro 4.0-rumo à agricultura digital. In: MAGNONI JÚNIOR, L. et al. (org.). JC na Escola Ciência, Tecnologia e Sociedade: mobilizar o conhecimento para alimentar o Brasil. 2. ed. São Paulo: Centro Paula Souza, 2017. Disponível em: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1073150. Acesso em: 18 jan. 2019.

MENEZES, S. T. Instrumentação para coleta telemétrica em tempo real de forças aplicadas em pedais. 2018. Tese (Doutorado em Engenharia de Sistemas Eletrônicos e Automação) - Universidade de Brasília, Brasília, 2018.

MILAGRE, A. P. A. et al. Mapeamento do uso de tecnologias no agronegócio na microrregião de Frutal. Revista Gestão, Inovação e Empreendedorismo, [S. l.], v. 1, n. 1, p. 9-23, ago. 2018.

NEUMANN, M. C. Agricultura 4.0: protótipo de um internet of things (IoT) na cultura da Lactuca Sativa. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Engenharia de Produção) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Medianeira, 2019.

OLIVEIRA, C. L. V; ZANETTI, H. A. P. Arduino Descomplicado: como elaborar projetos de eletrônica. São Paulo: Érica S.A., 2015.

PARRONCHI, P. Os pioneiros do desenvolvimento e a Nova Agricultura 4.0: desenvolvimento econômico a partir do campo? The development pioneers and the New Agriculture 4.0: economic development from the countryside?. In: ENCONTRO NACIONAL DE ECONOMIA POLÍTICA, 23., 2018., Niterói. Anais […]. Niterói: Sociedade Brasileira de Economia Política, 2018. Disponível em: https://sep.org.br/anais/. Acesso em: 18 jan. 2019.

RIEGER, F. C.; TRENNEPOHL, D. A relação agronegócio-indústria no processo de desenvolvimento territorial: a relevância da indústria de maquinários agrícolas no Rio Grande do Sul. Brazilian Journal of Development, Curitiba, v. 5, n. 1, p. 1702-1722, jan. 2019. Disponível em:

http://www.brjd.com.br/index.php/BRJD/article/view/1166/1132. Acesso em: 20 out. 2019.

ROCHA, A. S.; COSTA, H. T. V. Integração entre o mundo real e o virtual no contexto da IoT: Internet das Coisas e Blynk operacionalidade e viabilidade. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Sistemas de Informação) – Universidade Federal Rural da Amazônia, Belém, 2019.

SANTOS, R. A. O processo de modernização da agricultura no sudoeste do Paraná. 2008. Tese (Doutorado em Geografia) - Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade Estadual Paulista, Presidente Prudente, 2008.

SCHWARTZ, C. The reception of the information and communication technologies among familiar farmers in Santa Maria, Rio Grande do Sul. 2007. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2007.

SENA, J. et al. Simulação do comportamento da temperatura do solo através da temperatura do ar. Revista Ciência e Natura, Santa Maria, p. 291-294, dez. 2013. Edição Especial.

SOUZA, P. M. et al. Diferenças regionais de tecnologia na agricultura familiar no Brasil. Revista de Economia e Sociologia Rural, Brasília, DF, v. 57, n. 4, p. 594-617, dez. 2019. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-20032019000400594&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 29 mar. 2020.

STEINKE, R. G. Projeto de uma interface homem-máquina de uma colhedora de grãos com foco em usabilidade. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica) – Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul, Panambi, 2019.

VALENT, J. Z. et al. Heterogeneidade estrutural: configurações organizacionais da agricultura familiar. Seminário Internacional sobre Desenvolvimento Regional, Santa Cruz do Sul, RS, v. 23, n. 23, p. 1-14, set. 2019. Disponível em: https://online.unisc.br/acadnet/anais/index.php/sidr/article/view/19059. Acesso em: 21 mar. 2020.

VINICIUS, M.; GERIBELLO, R.; PINTO, S.; PAULETTI INOUE, J.; AMARANTE, M. Indústria 4.0 impactos da tecnologia da informação na nova indústria. Revista Pesquisa e Ação, São Paulo, v. 5, n. 1, p. 127-147, jun. 2019. Disponível em: https://revistas.brazcubas.br/index.php/pesquisa/article/view/651. Acesso em: 13 out. 2019.

WILKINSON, J.; RAMA, R. Indústria 2027: estudo de sistema produtivo – Agroindústrias. Portal da Indústria, Brasília, DF, maio 2018. Disponível em: http://www.portaldaindustria.com.br/publicacoes/2018/5/industria-2027-estudo-de-sistema-produtivo/#industria-2027-estudo-de-sistema-produtivo-agroindustrias%20. Acesso em: 22 jan. 2019.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Apresentação | Template para submissão de trabalhos | Expediente | Foco e Escopo | Políticas de Seção | Política de Acesso Livre | Política de Privacidade | Processo de Avaliação pelos Pares | Periodicidade | Declaração de Direito Autoral | Diretrizes para Autores | Normas para Publicação | Submissões Online | Corpo Editorial | Contato | Patrocínio da revista | Mapa do Portal